Pesquisar

Minhas Redes Sociais – Nosso contato direto com você

No link abaixo nosso contato e nosso endereço de redes sociais. Siga-nos nestas Redes Sociais e tenha sempre acesso as informações que publicamos regularmente.



CLIQUE AQUI!

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Acompanhamento a longo prazo de pacientes com Retinose pigmentar Recebendo Implantes Intraoculares do Fator Neurotrófico Ciliar.


OBJETIVO:

Avaliar a eficácia a longo prazo do fator neurotrófico ciliar entregue através de um implante celular encapsulado intraocular para o tratamento da retinite pigmentar.

DESENHAR:

Acompanhamento a longo prazo de um estudo multicêntrico, controlado por farsa.

MÉTODOS:

Trinta e seis pacientes em 3 sites do CNTF4 foram distribuídos aleatoriamente para receber um implante de dose alta ou baixa em 1 olho e cirurgia simulada no olho coletivo. O ponto final primário (mudança na sensibilidade do campo visual aos 12 meses) foi relatado anteriormente. Aqui medimos a acuidade visual a longo prazo, o campo visual e os resultados da tomografia de coerência óptica (OCT) em 24 pacientes, mantendo ou explantando o dispositivo aos 24 meses em relação aos olhos tratados com farsa, falso.

RESULTADOS:

Os olhos que mantiveram o implante mostraram perda de campo visual significativamente maior desde a linha de base do que os olhos explantados ou os olhos falsos durante 42 meses. Por 60 meses e continuando por 96 meses, a perda de campo visual foi comparável entre os olhos tratados com farsa, falso, os olhos que retém o implante e os olhos explantados, assim como a acuidade visual e o volume macular OCT.

CONCLUSÕES:

No curto prazo, o fator neurotrófico ciliar liberado continuamente a partir de um implante intravítreo levou a perda de sensibilidade ao campo visual total que foi maior do que a progressão natural no olho tratado com simulador. Esta perda adicional de sensibilidade relacionada ao implante ativo foi reversível quando o implante foi removido. A longo prazo (60-96 meses), não houve evidência de eficácia para acuidade visual, sensibilidade ao campo visual ou medidas OCT da estrutura da retina.
Créditos: pagina doenças da visão no Facebook.
Fonte :
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27457255

Nenhum comentário:

Postar um comentário